segunda-feira, 5 de outubro de 2015

"Se isto é um blog"



SE ISTO É UM HOMEM

Vós que viveis tranquilos
Nas vossas casas aquecidas,
Vós que encontrais regressando à noite
Comida quente e rostos amigos:
Considerai se isto é um homem
Quem trabalha na lama
Quem não conhece paz 
Quem luta por meio pão
Quem morre por um sim ou por um não.
Considerai se isto é uma mulher,
Sem cabelos e sem nome
Sem mais força para recordar 
Vazios os olhos e frio o regaço
Como uma rã no Inverno.
Meditai que isto aconteceu:
Recomendo-vos estas palavras.
Esculpi-as no vosso coração
Estando em casa andando pela rua,
Ao deitar-vos e ao levantar-vos;
Repeti-as aos vossos filhos.
Ou então que desmorone a vossa casa,
Que a doença vos entreve,
Que os vossos filhos vos virem a cara.

Primo Levi, SE ISTO É UM HOMEM, Dom Quixote, 11ª ed., 2013, p. 7

"Se isto é um blog", título inspirado na obra de Primo Levi, Se Isto É Um Homem*, surge como meio de apresentar os trabalhos realizados no âmbito dos Estudos sobre o Holocausto/Shoah.
O Holocausto, Shoah, tem vindo a ser objecto de estudo, nesta escola,  desde 2006/07, ano lectivo em que o professor Luís Filipe Bettencourt o introduziu sob a forma de leituras orientadas à volta de duas obras A Noite, de Elie Wiesel, e Austerlitz, de W. G. Sebald.
 Desde então, reflecte-se sobre a Shoah tanto em momentos que assinalam o Dia Internacional de Comemoração em Memória das Vítimas do Holocausto, a 27 de Janeiro de cada ano, lembrando a data em que Auschwitz foi libertado, como em trabalhos realizados em diferentes disciplinas, Filosofia ou Área de Projecto (actualmente extinta), ou mesmo enquanto lema dos Encontros Filosóficos, como aconteceu no ano lectivo de xxxx. Coligidos esses trabalhos, quiseram alguns dos professores directamente responsáveis por eles que não fossem enterrados em arquivos mortuários, mas que se tornassem semente e crescessem como campo frutuoso de investigação. Neste sentido, no passado ano lectivo foi criada uma estante que se lhe destina e acolhe dignamente todo o material que ao tema diga respeito.
Paralelo a tal esforço, a direcção da Escola decidiu  formalizar esta vontade no tópico "Estudos do Holocausto", proposta que foi lançada a toda a comunidade docente para preenchimento das suas actividades não lectivas. Ao repto terão respondido duas professoras, Ana Gonçalves e Ana Inácio, que se tornaram nas respectivas coordenadoras.
Finalmente, repetindo esse mesmo repto e alargando-o a toda a comunidade educativa, quem estiver interessado em ler obra histórica ou literária, ver filme/documentário, desenvolver trabalho/ensaio (a temática usufrui de largo espectro que contempla todas as áreas curriculares) sobre o assunto, apareça na biblioteca da escola, todas as terças e quintas das 15.15 às 16.45 horas, onde estarão as coordenadoras.

Ana Gonçalves e Ana Inácio





* Se Isto É Um Homem  foi obra primeiramente rejeitada pela editora Einaudi, tendo sido um corajoso pequeno editor a publicá-la. Corria o ano de 1947 e foram apenas vendidos 1500 exemplares, número muito longe de traduzir a importância que hoje lhe atribuímos. O  seu reconhecimento só viria a ocorrer onze anos mais tarde, em 1958, quando, finalmente a Einaudi decide pegar nela para a publicar em grande, traduzindo-a para a língua inglesa e, posteriormente, para muitas outras línguas, fazendo dela o clássico que  conhecemos.







Sem comentários:

Publicar um comentário